16.11.08

Audiência na Assembleia da República 2

Apesar de não termos as mil assinaturas necessárias na petição, a Comissão de Ética, Sociedade e Cultura decidiu ouvir os problemas das famílias monoparentais. Com documentos, estatísticas e com a petição,naturalmente, as deputadas do Partido Socialista que integram a comissão decidiram ouvir-nos. Dos outros partidos ninguém compareceu. Importante também foi a presença da Presidente da Sub-comissão para a Igualdade de Oportunidades e Família, Mª do Rosário Carneiro. Ou seja, a MONO foi ouvida apesar de ainda não ser uma organização formada. Discutimos a vulnerabilidade das famílias monoparentais, a responsabilidade parental em caso de separação ou divórcio, a economia familiar e as suas dificuldades, a necessidade de acompanhar estas famílias. O alerta está dado, até porque haverá um relatório sobre esta audiência que será dado a conhecer aos outros elementos da Comissão de Ética, Sociedade e Cultura. Pessoalmente, penso que a MONO deve agora organizar-se, reunir pessoas e avançar. Esta semana ainda vou contactar as famílias monoparentais que me escreveram para o email. Peço-vos que saiam do anonimato e escrevam também. Havemos de arranjar tempo para nos encontrarmos.

2 comentários:

Segundo Esquerdo disse...

já assinei e tem todo o meu apoio!!! sou mae de dois filhos sozinha e sempre a contar os tostoes :)

Deixo o meu link de forum e blog
Bjinhos

http://divorciados-pt.forumeiros.com/forum.htm

Ana Piedade disse...

Eu também passo pelo mesmo problema, tenho dois filhos a cargo e sempre a contar os tostões...

Mas penso que a MONO se deveria organizar no sentido de dar mais visibilidade á associação, eu vim aqui ter por acaso nem sabia da existência desta associação.

se precisarem de ajuda contem comigo.

o meu mail : andarporai@qviagem.com